Dicas

Pele masculina

Uma boa aparência, que eleva a autoconfiança, não é mais privilégio feminino. Nos últimos anos, o homem moderno tem apresentado uma mudança de comportamento ligado à vaidade. A pele masculina é diferente e merece cuidados especiais. Devido às diferenças hormonais, a pele é mais espessa, oleosa e com maior quantidade de pelos. Além disso, eles são mais propensos à calvície e ao excesso de suor.

O cuidado diário com a pele passa pela limpeza, hidratação e fotoproteção. Também há inúmeros produtos com ativos antienvelhecimento que podem e devem ser utilizados.

O processo de barbear

Todos os passos para o ato de barbear são importantes, desde a preparação da pele até a finalização. Isso ajuda a amenizar e prevenir o surgimento de algumas irritações e, em alguns casos, a foliculite (inflamação dos pelos).

Algumas dicas:

• Escolher um produto de qualidade para barbear é fundamental, pois o ato de barbear remove a camada hidrolipídica da pele – responsável pela proteção;

• Usar creme/espuma/gel de barbear (ajuda a cortar os pelos mais rentes e diminui as chances de trauma);

• Evitar raspar o pelo no sentido contrário do mesmo, pois pode gerar encravamentos;

• Enxaguar o rosto após barbear-se com água fria, pois a temperatura da água diminui o tamanho dos poros;

• Utilizar loções ou cremes após, para acalmar a pele. Evitar álcool e produtos gordurosos (Hipoglós e Minâncora);

• Substituir a lâmina semanalmente e, quando possível, utilizar barbeadores elétricos, pois irritam menos a pele;

• Além dos métodos tradicionais, atualmente o laser tem sido aplicado na depilação das regiões da barba, rosto e pescoço.

A dermatologia atual apresenta técnicas e tratamentos voltados para o público masculino, buscando sempre a naturalidade como objetivo principal. Os tratamentos mais procurados buscam amenizar as linhas de expressão, bigode chinês, diminuição da oleosidade, melhora da textura da pele, redução de pelos nas costas, pescoço e outras áreas, tratamento de foliculite da barba, hiperidrose axilar (excesso de suor nas axilas) e calvície ou rarefação capilar.